COMPANHIAS PARTICIPANTES

COMPANHIA DO ABRAÇÃO: A Cia do Abração é um espaço de arte e cultura, fundado em 2001, por Fabiana Ferreira e Letícia Guimarães e tem como proposta principal a pesquisa e produção teatral para todas as idades, esteados em dramaturgia própria e difundidas como espetáculos de repertório. Sua proposta estética está alicerçada na fusão de linguagens artísticas elaborada em investigações advindas de processos colaborativos. Além da dança e das artes visuais, trabalha e investiga as técnicas de manipulação de objetos, mímica, produção sonora e conhecimentos da antropologia.

COMPANHIA PÉ NO PALCO: Fundado em 1995 por Fátima Ortiz, o Pé no Palco Atividades Artísticas consolida-se através da sua atuação em quatro segmentos de atividades: Cursos Livres de Teatro, criação da companhia estável, o Círculo de Encenação e Pesquisa, Ação em Valores Humanos; e Workshop, Cursos e Eventos.

TRUPE PARABOLÉ: A Trupe PARABOLÉ é composta por atores e músicos apaixonados pela cultura lúdica infantil. Seus espetáculos reúnem conteúdos que não são apenas produzidos para as crianças, mas também pelas crianças. Utilizando como matéria prima artística aquilo que as crianças produzem em suas ações, a Trupe PARABOLÉ estabelece fortes vínculos em cena, promovendo intensa identificação lúdica entre a sua arte e a arte cotidiana das crianças.

CIA. DOS PALHAÇOS: A Cia dos Palhaços surge em 2004 com o objetivo de estudar a Linguagem do Palhaço em suas mais variadas formas, de modo profundo e sistemático. Fruto dessa pesquisa são os espetáculos, eventos e oficinas que compõe o repertório do grupo e que cresce a cada ano. Hoje a Cia dos Palhaços tem se consolidado como uma referência na linguagem do Palhaço em Curitiba. Possui um Espaço Cultural onde acontecem temporadas e cursos, tanto da Cia, quanto de grupos e profissionais de renome do Brasil e exterior.

COMPANHIA FILHOS DA LUA: Fundada há mais de 25 anos por Renato Perré, a Companhia tem em seu repertório mais de 50 espetáculos realizados, muitos deles, premiados no Brasil e no exterior. Tem seu foco de pesquisa no teatro de bonecos e nas formas animadas.

CIA. MANOEL KOBACHUK: Em seus aproximadamente 30 anos de existência dedicados ao gênero Teatro de Animação, a Cia. realizou uma atividade tão intensa e tão vasta que não se pode rotular como um simples grupo de teatro de bonecos. Constituído em toda sua trajetória como um pólo de pesquisa e produção, através da criação de espetáculos, exposições de acervos, edições de boletins especializados, cursos, oficinas, desenvolvimento de literatura dirigida, admissão de estagiários de todo o território brasileiro e de países europeus. Todas estas atividades foram abertas e disponibilizadas a profissionais e simpatizantes, atores, produtores, pedagogos, artistas plásticos e a comunidade em geral. No ano de 2000 realizou uma grande turnê pela Europa, percorrendo Portugal, Espanha, França e Itália, realizando apresentações do espetáculo “Respeitável Público” em dezenas de municípios e participando de 8 festivais. Com sede em Curitiba/PR, a Cia. é dirigida por Manoel Kobachuk.

CIA. DE TEATRO REGINA VOGUE E CENTEC: A Companhia de Teatro Regina Vogue abrange toda a complexidade de idéias, iniciativas e equipes que movimentam, criam, montam, pesquisam e produzem peças teatrais, abrangendo o Espaço Teatro Regina Vogue, a Regina Vogue Produções, a MESSE Produções Artísticas e o CENTEC – Centro de Estudos de Teatro para Crianças.
Desde seu início, há 22 anos, a Cia. de Teatro Regina Vogue já produziu mais de 35 espetáculos, sempre primando pela qualidade e pertinência dos temas por eles abordados. O CENTEC visa a investigação e ampliação das linguagens utilizadas no teatro para crianças. A equipe de colaboradores cria e recria elementos cênicos, histórias e muito mais, com o intuito de promover ações abrangendo a teoria e a prática para novas encenações

CIA. MR PRODUÇÕES: A MR Produções foi criada em 1994 pelo produtor e diretor de teatro Márcio Roberto Gonçalves, desde então produziu mais de 20 espetáculos de teatro para crianças, tendo como fonte principal a literatura. Nos últimos anos recebeu os principais prêmios do teatro paranaense, e títulos de consagração pública oferecidos pela prefeitura de Curitiba, destacam-se montagens como Flicts, da obra de Ziraldo, A Bruxinha Que Era Boa, de Maria Clara Machado, O Menino do Dedo Verde, de Maurice Druon, Marcelo, Marmelo Martelo e Teimosinho e Mandão em Dois Idiotas Sentados Cada Qual no Seu Barril, de Ruth Rocha, entre outros.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

8º Pequeno Grande Encontro - de 25 de Abril a 01 de Maio

Mesa-redonda do 8º Pequeno Grande Encontro